Assembleia Geral da Irmandade

   A Mesa Administrativa submeteu à apreciação e votação dos Irmãos, no passado dia 27 de março, a Conta de Gerência relativa ao ano de 2018.

Tratou-se de um ano económico com menos uma resposta social (Lar de Infância Maria Cordeiro). O desemprego, a diminuição da frequência de utentes em algumas tipologias e também do rendimento familiar, associadas à não atualização adequada das comparticipações a cargo da Segurança Social, foram fatores que não conseguiram acompanhar os custos médios por utente. O programa de investimento ficou, assim, condicionado, tendo-se decidido, como prioritário, assegurar o bom funcionamento das repostas sociais (da infância à terceira idade e à saúde). Ainda assim, foi possível a aquisição de uma viatura de transporte de utentes, com plataforma elevatória, colmatando uma necessidade há muito sentida.

Tendo completado 5 anos de funcionamento em novembro findo, a UCCI (Unidade de Cuidados Continuados Integrados) promoveu a realização do I Seminário “Atualidades na RNCCI/Desafios na Continuidade” onde foi reconhecida como uma referência, nas palavras do então coordenador nacional das UCCIs, professor dr. Manuel Lopes, e também pelas Equipas Coordenadoras regional e local da ARS do Centro. Uma taxa de ocupação média de quase sempre 100% revela uma clara confiança no apoio prestado aos utentes bem como a satisfação dos mesmos e respetivos familiares.

Uma referência especial para o empenho e desempenho dos colaboradores da Instituição que, de forma comprometida, assumiram e contribuíram para a prestação de serviços adequados com qualidade.

Após lido o Relatório, o parecer do Conselho Fiscal e a certificação legal de contas emitida pelo Revisor Oficial de Contas, a Conta de Gerência foi aprovada por unanimidade.

Página concebida e realizada sob a responsabilidade da Santa Casa da Misericórdia   -  Cantanhede

Rua Dr. António José da Silva Poiares
3060-141 Cantanhede

©  M S C